Publicidade
Quarta-Feira, 16 de Agosto de 2017 - Hora:09:42

8 hábitos fundamentais para manter o cérebro ativo e saudável

 

O nosso organismo passa por uma série de transformações conforme envelhecemos, e isso não seria diferente com o funcionamento do cérebro. À medida que a idade avança, o desempenho cognitivo começa a diminuir, uma vez que as conexões entre os neurônios, as chamadas sinapses, vão perdendo a eficiência.Vale lembrar que o cérebro é responsável por controlar, por exemplo, a temperatura corporal, a pressão arterial e a respiração, além do raciocínio, a concentração, as emoções. Por isso, cuidar bem e estimular esse órgão é essencial para manter corpo e mente em equilíbrio. “O cérebro precisa trabalhar para reativar os genes e criar novas sinapses.

 

Os genes reativam as conexões existentes ou criam sinapses que compensam as que foram perdidas com o envelhecimento”, explica Newton Terra, diretor do instituto de geriatria e gerontologia da PUC do Rio Grande do Sul.Para exercitar o cérebro, o geriatra recomenda manter atividades variadas e, no dia a dia, investir nos bons hábitos, desde a leitura até a alimentação. A partir disso, listamos a seguir oito dicas fundamentais para melhorar a saúde cerebral. Fontes: Newton Terra, diretor do instituto de geriatria e gerontologia da PUC do Rio Grande do Sul; Stella Herrmann, nutricionista clínica e chef, com especialização em gastronomia pela Universidade Anhembi Morumbi, em São Paulo.

 

 

 

Diversos estudos comprovam que a falta de sono está associada a dores no corpo, ansiedade, cefaleias, diabetes e até infarto. Além disso, há pesquisas que demonstram que, quando ficamos acordados durante muito tempo, há diminuição do hipocampo, responsável por armazenar novas informações. É durante o sono que as células neurais reorganizam o cérebro e, por isso, dormir bem é fundamental.

 

 

Além de ser combustível inesgotável para manter a imaginação e expandir a capacidade mental, ler diariamente é um dos exercícios mais eficazes para a saúde cerebral. A leitura com reflexão é a melhor maneira de manter o cérebro ativo. Há diversas ligações neuronais nesta atividade. O hábito estimula áreas responsáveis pela coordenação motora, fluência de linguagem, concentração e ainda ajuda a reduzir o estresse diário.

 

 

Exercitar-se, mesmo com esforços mínimos, já desempenha uma série de reações positivas no cérebro. Foi essa a conclusão de um estudo recente, publicado na revista científica Brain Plasticity. Uma das teorias relaciona-se à produção de novos neurônios no hipocampo, área responsável pelo registro das memórias passadas e imaginação do futuro. Além de estimular a capacidade de memória, há melhora no processo criativo, e funções cognitivas no geral. O aumento do bom humor também foi observado.

 

 

Rica em ácidos graxos poli-insaturados essenciais, além de fibras, proteínas, cálcio, zinco, fósforo, manganês, potássio e outros nutrientes, as sementes de chia são importantes na prevenção do envelhecimento dos tecidos cerebrais, mantendo as funções cognitivas intactas por mais tempo. Isso porque a chia contém ácidos linoleico e alfalinolênico, importantes na formação das membranas celulares, funções cerebrais e transmissão de impulsos nervosos. O ideal é consumir uma colher de chá dessas sementes diariamente.

 

 

Rico em vitaminas K e C e em ácido fólico, além de minerais como potássio, magnésio, cobre, flúor e manganês, o chá verde tem propriedades que vão além da possível influência na hora de perder peso. Também pssui antioxidantes, cujo efeito neuroprotetor evita o envelhecimento celular precoce. A cafeína presente no chá verde atua diretamente como agente neuroestimulante, o que contribui para a melhora da função cognitiva e para o aumento do poder de concentração e do humor. De acordo com estudo suíço publicado na revista Psychopharmacology, o consumo regular da bebida melhora, ainda, a conexão entre os lobos frontal e parietal, essenciais para o bom funcionamento da memória.

 

 

Também conhecido como açafrão-da-Índia, a raiz da família do gengibre contém minerais essenciais ao bom funcionamento cerebral –ela inibe, por exemplo, a morte de neurônios. Fonte de vitaminas B6 e C, que ajudariam a prevenir o surgimento da doença de Alzheimer.A curcumina, principal ativo da raiz, também protege o cérebro de inflamação e entupimento de artérias, por possuir propriedades anti-inflamatórias.

 

 

Aos aficionados por tecnologias, a boa notícia é que existem vários aplicativos para você conseguir exercitar a memória diariamente. Um dos mais eficientes é o Peak: o app permite que o usuário escolha 25 jogos capazes de testar funções como foco, linguagem, solução de problemas e agilidade mental. O destaque do aplicativo é a análise detalhada do desempenho do jogador, com comparativos e visualizações de dados por categoria.

 

 

O sexo, veja só, é essencial para a memória. Pelo menos é o que comprova um estudo realizado pela Coventry University do Reino Unido e publicado no jornal Age & Ageing. Durante a pesquisa, que acompanhou 6.800 pessoas, com idades entre 50 e 89 anos, por 12 meses, os voluntários responderam a testes de memória, verbais e numéricos. Os dados analisados montraram uma ligação entre a frequência da atividade sexual com a agilidade mental. Na prática, as respostas aos questionários mostraram que aqueles que tiveram um maior número de relações sexuais provaram ter uma memória mais eficiente e, em geral, um cérebro mais flexível e ágil.

Enquetes
Diante das acusações, Michel Temer ficará na Presidência até o fim do mandato?
Fale conosco
Itupeva - Sp - Brasil
Contato comercial: Herikson Almeida
Telefone 11 9.9674-9857 - 11 9.4866-5716
Email: contato@gazetadeitupeva.com.br
Contato redação:
Email: redacao@gazetadeitupeva.com.br
Formulário de Contato
Copyright © 2013. Portal de Notícias Gazeta de Itupeva.
Todos os Direitos Reservados
Programador PHP