Itupeva - Quarta-Feira, 04 de Março de 2020 - Hora:10:27

Gelo Itupeva recebe selo de qualidade internacional

A empresa Gelo Itupeva, localizada no bairro Santa Julia em Itupeva, recebeu um importante certificado de qualidade de seus produtos. O selo internacional de qualidade IPIA – International Packaged Ice Association, empresa com sede nos Estados Unidos. O certificado atesta a qualidade do gelo produzido com o lema “Gelo é alimento”.

 

O selo IPIA/ABREGEL assegura que o fabricante e o gelo serão auditados e vistoriados por uma empresa certificadora, garantindo assim qualidade de procedência do produto e segurança para o consumidor e sua família.
Natalia, que é uma das sócias da empresa e responsável pelo setor de qualidade falou da importância desta certificação: “É extremamente importante verificar a procedência do gelo que consumimos, afinal, gelo não é apenas água, gelo é alimento”, disse.


Em comunicado a seus clientes, a Gelo Itupeva destacou a importância desta conquista.
“É com imensa satisfação que comunicamos uma grande conquista. A Gelo Itupeva é a quinta empresa do ramo no Brasil a adquirir o selo internacional de qualidade IPIA no Brasil. Essa certificação garante a qualidade da matéria prima utilizada, de todo processo produtivo e de um rígido controle de qualidade, internacionalmente reconhecido. Isso demonstra nosso comprometimento com a qualidade do produto que entregamos a todos os nossos clientes."

 


Sobre a IPIA:

 

Em 1917 a IPIA foi fundada como uma Associação Nacional representando as Indústrias de Gelo americanas, e hoje está presente internacionalmente nos 7 continentes.


Os membros da IPIA produzem gelo com a qualidade dos padrões de segurança alimentar.


Com o lema Gelo é Alimento – Ice is Food o selo de qualidade da IPIA representa o compromisso de produzir gelo com a qualidade e padrões necessários.


Anualmente uma auditoria é feita nas empresas associadas, visando a continuidade e o compromisso assumidos.
Programa de Qualidade do Gelo com o selo IPIA visa garantir condições sanitárias necessárias para industrialização do produto.


A Abregel (Associação Brasileira das Empresas de Alimentos, Congelados, Supercongelados, Sorvetes, Concentrados, Liofilizados, Gelos e Bebidas) e a IPIA (Associação Internacional de Gelo Embalado) assinaram um termo de parceria definindo os requisitos do Programa de Qualidade do Gelo, visando garantir o nível de qualidade e segurança do gelo industrializado.


O Programa estipula medidas específicas voltadas aos fabricantes de gelo embalado, que recebe uma certificação após a auditoria anual realizada pela NSF International (organização norte-americana de testes, inspeção e certificação de produtos) que se presta a verificar se as diretrizes previstas no acordo, chamadas PIQCS – Padrões de Controle de Qualidade do Gelo Embalado, estão sendo cumpridas.


Entre os padrões de controle está a APPCC – Análise de Perigos e Pontos Críticos de Controle (ou em inglês, HACCP, Hazard Analysis of Critical Control Point) que visa a prevenção de riscos. A auditoria do Programa de Qualidade do Gelo exige condições sanitárias do local de fabricação garantindo a qualidade microbiológica do gelo embalado, entre outros.
A produção segura e sem risco traz vantagens também para o fabricante que evita retrabalho, diminuindo o custo operacional com ganho de qualidade e reconhecimento do mercado.


Fica a cargo da Abregel instruir todos os fabricantes de gelo associados a cumprirem os requisitos do programa, e geri-los na América Latina. A associação também atuará como uma facilitadora da comunicação entre a IPIA e os fabricantes do produto no Brasil.


Os produtores que atenderem os requisitos previstos no PIQCS recebem o selo de qualidade Abregel-IPIA e se tornam membros da associação internacional, o que para Edmundo Klotz, presidente da associação, é uma garantia tanto para o produtor quanto para o consumidor final. “Nem todos os estabelecimentos requerem certificações ou selos de qualidade, e muitas vezes o consumidor não tem ideia de que está comprando um produto de procedência duvidosa.

Por isso, o selo é a prova de que o produto apresenta qualidade e segurança para ser consumido à vontade”, afirma.


O risco sanitário do gelo é uma realidade ainda pouco percebida entre os consumidores do produto. Além de não entenderem o gelo como alimento, o consumidor não sabe que   as baixas temperaturas não são suficientes para destruir os microorganismos.


O gelo embalado, sem os padrões e condições sanitárias adequadas pode causar uma série de problemas para quem o consome, que ainda poderá atribuir às bebidas que gelou. “Por isso as normas de controle são tão importantes: para evitar prejuízos para o fabricante e riscos à saúde do consumidor”, alerta Klotz.


É possível encontrar no mercado gelo com irregularidades na embalagem e com desvios significativos em relação às análises microbiológicas, indicando a presença de bactérias. Por isso, o setor escolheu implantar o Programa de Qualidade do Gelo, com o objetivo de garantir as condições sanitárias do processo e garantia de qualidade do gelo.

Enquetes
Fale conosco
Itupeva - Sp - Brasil
Contato comercial: Herikson Almeida
Telefone 11 9.9674-9857 - 11 9.4866-5716
Email: contato@gazetadeitupeva.com.br
Contato redação:
Email: redacao@gazetadeitupeva.com.br
Formulário de Contato
Copyright © 2020. Portal de Notícias Gazeta de Itupeva.
Todos os Direitos Reservados
Programador PHP