Publicidade
Cabreúva - Sexta-Feira, 01 de Setembro de 2017 - Hora:09:57

Henrique coloca Cabreúva no mapa dos municípios com universidade pública

 

A inauguração da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) – que aconteceu na manhã de sábado, 19, no Espaço Acauã, no Pinhal – colocou Cabreúva no mapa dos municípios que podem oferecer ao seu cidadão ensino superior gratuito e de qualidade. O prefeito Henrique Martin irradiava felicidade. “É a concretização de um sonho, que eu tinha desde que ainda era vereador”, comentava, entre cumprimentos de autoridades, amigos, convidados, funcionários da Universidade – e de alguns dos 200 'calouros' que, a partir da segunda-feira, 21, já estavam em sala de aula.

 

A mesa de honra foi composta (além do prefeito), pelos deputados Rodrigo Moraes (representando o governador Geraldo Alckmin) e José Olímpio; coordenadora de Polos da Univesp, Aline Fernanda Simões; secretária municipal de Educação, Rozeli Faber; vereador Rodrigo Santi (representando o presidente da Câmara Municipal); e pela proprietária do Espaço Acauã, Patrícia Pires de Araújo.

 

Diversas autoridades regionais também marcaram presença, como os vereadores Maria do Carmo Piunti e José Galvão (ambos de Itu), Gustavo Martinelli (presidente da Câmara Municipal de Jundiaí), os vereadores cabreuvanos Paula Santos, Marlúcia Valente, Kiko e Dinho; o ex-deputado José Carlos Tonin; o ex-prefeito André Salviano; o empresário Natal (Corr Plastik).

 

Uma das mais emocionadas era Patrícia Araújo, filha do desembargador Luiz Carlos de Araújo – já falecido, e que construiu o Espaço Acauã. “Não tenho como deixar de lembrar que aqui foi a casa de meu pai. Espero que ele esteja feliz, cinco anos após sua morte, com essa parceria com a Prefeitura.”

 

Em seguida, ela relatou que o Dr. Luiz Carlos gostaria de ter cursado Engenharia. “Era um desejo dele, que não pôde realizar porque era um curso muito caro para a época. Hoje, ele poderia realizar o sonho de se formar engenheiro aqui mesmo, em Cabreúva”, disse.

 

Já o prefeito Henrique Martin destacou que a inauguração de uma universidade pública gratuita no município fazia com que ele cumprisse mais um item do seu Plano de Governo. “Estou ainda mais feliz porque a maioria dos alunos matriculados estudou em escolas públicas. Isso também mostra o acerto de nossa luta, junto ao Governo do Estado, para trazer a Univesp para Cabreúva”, prosseguiu o prefeito.

 

Henrique, naquele momento, agradeceu ao deputado estadual Rodrigo Moraes (que acompanhou o prefeito desde o começo das negociações junto à Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação) e ao deputado federal José Olímpio (ambos presentes à cerimônia de inauguração) por mais esta conquista. Uma conquista que vai ficar marcada na história do município – como, aliás, afirmou a coordenadora de Polos da Univesp, Aline Fernanda Simões. “Estamos abraçando Cabreúva a este projeto do Governo – em uma instituição que conta com professores de USP, Unicamp e Unesp e que resgata alunos que estavam afastados havia tempos da carteira escolar. É um orgulho para todos nós”.

 

O orgulho ficou ainda maior na medida em que Henrique Martin chamou, para a mesa de autoridades, o 'calouro' Jorge Luiz Cardoso de Amorim. Jorge é funcionário público da Prefeitura de Cabreúva (atua como vigia), ganhou (e retribuiu) um abraço apertado do prefeito, quando foi citado por Henrique como 'exemplo' (leia ao lado) por ter estudado e passado no vestibular da Univesp.

 

Depois dos abraços, o prefeito mudou o tom da conversa: “Não quero desistências”, brincou, a sério, se dirigindo aos calouros – para, em seguida, lembrar que um grupo formado por não mais que três pessoas continua tentando desestabilizar a administração. “Não vão conseguir. Por mais que eles tentem, estarei na formatura de vocês. Essa conquista é de todos nós, de todos os que amam Cabreúva de verdade e que se dedicam, a cada dia, para fazer uma cidade melhor para todos – ao invés de ficar resmungando pelos cantos ou espalhando mentiras”.

 

Henrique prosseguiu em sua fala: “Não adianta falar em crise, vamos em busca de alternativas, sempre. Ainda temos muito o que avançar em diversos setores e vamos seguir avançando. Parabéns a todos, parabéns a cada membro da equipe da Univesp. Obrigado aos amigos da Associação de Moradores do Pinhal, obrigado à Patrícia Araújo, esta parceira do nosso desenvolvimento. Vamos em frente.”

 

A Univesp em Cabreúva

A Univesp já ofereceu a primeira semana de aulas. A universidade tem 200 alunos matriculados para os cursos de Engenharia da Computação, Engenharia de Produção, Pedagogia e Matemática. Do total de alunos, metade é composta por cabreuvanos. A outra parcela vem de cidades da região. O Pólo Cabreúva da Univesp fica na Via das Palmas, 101, no Espaço Acauã.

Enquetes
Diante das acusações, Michel Temer ficará na Presidência até o fim do mandato?
Fale conosco
Itupeva - Sp - Brasil
Contato comercial: Herikson Almeida
Telefone 11 9.9674-9857 - 11 9.4866-5716
Email: contato@gazetadeitupeva.com.br
Contato redação:
Email: redacao@gazetadeitupeva.com.br
Formulário de Contato
Copyright © 2013. Portal de Notícias Gazeta de Itupeva.
Todos os Direitos Reservados
Programador PHP