Jundiaí - Terça-Feira, 11 de Abril de 2017 - Hora:09:19

Vacinação teve início nesta segunda-feira (10) com profissionais de Saúde em Jundiaí

 

A Unidade de Promoção da Saúde, por meio da Vigilância Epidemiológica, começou nesta segunda-feira (10), a Campanha de Vacinação contra a Influenza A (H1N1). Conforme estabelecido pelo calendário, os profissionais de saúde compõem o primeiro grupo imunizado.

 

A partir da próxima segunda-feira (17), inicia a vacinação dos grupos considerados de risco, sendo: idoso com 60 anos ou mais, inclusive os que completam 60 até o dia 31 de dezembro deste ano; gestantes, puérperas (mulheres com até 45 dias após o parto), crianças com seis meses e quatro anos e portadores de doenças crônicas não transmissíveis (diabetes, transplantados, doença hepática crônica, doença cardíaca crônica, entre outras).

 

Para o grupo de risco, a vacina estará disponível em todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e Estratégia de Saúde da Família (ESFs), de segunda a sexta-feira, das 8h30 às 16h30. No sábado (13), a vacinação será nas UBS do Agapeama e Jardim Novo Horizonte, das 8h às 17h.

 

Este ano, os profissionais de Educação foram incluídos no grupo mais suscetíveis a doença, também devendo ser vacinados. A meta do Ministério de Saúde é vacinar 90% de cada um dos grupos inseridos no calendário de vacinação.

 

Prevenção


A transmissão dos vírus influenza ocorre pelo contato com secreções das vias respiratórias que são eliminadas pela pessoa contaminada ao falar, tossir ou espirrar. Também ocorre por meio das mãos e objetos contaminados, quando entram em contato com mucosas (boca, olhos, nariz).

 

À população em geral, o Ministério da Saúde orienta a adoção de cuidados simples como formas de prevenção: lavar as mãos várias vezes ao dia, cobrir o nariz e a boca ao tossir e espirrar, evitar tocar o rosto e não compartilhar objetos de uso pessoal, entre outros.

 

A vacina contra a gripe não é capaz de eliminar a doença ou impedir a circulação do vírus. Por isso, as medidas de prevenção são tão importantes, particularmente durante o período de maior circulação viral, que é entre os meses de junho e agosto.

 

Também é importante lembrar que, mesmo pessoas vacinadas, ao apresentarem os sintomas da gripe – especialmente se são integrantes de grupos mais vulneráveis às complicações – devem procurar, imediatamente, o serviço médico.

 

Os sintomas da gripe são: febre, tosse ou dor na garganta, além de outros, como dor de cabeça, dor muscular e nas articulações. Já o agravamento pode ser identificado por falta de ar, febre por mais de três dias, piora de sintomas gastrointestinais, dor muscular intensa e prostração.

Enquetes
Diante das acusações, Michel Temer ficará na Presidência até o fim do mandato?
Fale conosco
Itupeva - Sp - Brasil
Contato comercial: Herikson Almeida
Telefone 11 9.9674-9857 - 11 9.4866-5716
Email: contato@gazetadeitupeva.com.br
Contato redação:
Email: redacao@gazetadeitupeva.com.br
Formulário de Contato
Copyright © 2013. Portal de Notícias Gazeta de Itupeva.
Todos os Direitos Reservados
Programador PHP